Calendário Bolsa Família 2018 – O Bolsa Família é um dos programas de maior sucesso no combate e erradicação da pobreza e da fome no brasil e no mundo. Graças aos pagamentos do benefício, milhões de famílias conseguiram superar a situação de miséria e justamente pelo sucesso de sua implantação que foi criado o calendário Bolsa Família 2018, para ordenar e distribuir os pagamentos do benefício nas agências da Caixa Econômica Federal.

Calendário Bolsa Família 2018

Calendário Bolsa Família 2018

Bolsa Família 2018

O programa Bolsa Família foi implementado em 2004, na então gestão do Presidente Luiz Inácio Lula da Silva. Seu objetivo é dar apoio socioeconômico para famílias de baixa renda – especialmente aquelas em situação de pobreza e de pobreza extrema – para favorecer a superação dessa condição.

Além da bolsa família mensal que os grupos familiares recebem, estes também recebem acompanhamento médio e por assistentes sociais, que orientam as melhores maneiras de os grupos familiares superarem suas dificuldades e saírem da linha da pobreza.

Calendário Bolsa Família 2018

O Calendário Bolsa Família 2018 foi criado para evitar transtornos e tumultos nos pagamentos das parcelas dos benefícios. O benefício é pago em agências da Caixa Econômica Federal, e postos de atendimento autorizado de acordo com o último número do NIS do benefício (impresso no cartão Bolsa Família do grupo beneficiado).

Calendário do Bolsa Família 2018

Calendário do Bolsa Família 2018

Os pagamentos usualmente são liberados entre os dias 15 a 31 de cada mês, e uma vez liberado, o beneficiário tem até 90 dias para realizar o saque do seu benefício. Caso o saque não seja realizado em 90 dias, perde-se o direito de sacar aquela parcela.

Clientes da Poupança Caixa Fácil não precisam se preocupar: que tem a poupança social da Caixa, recebe o valor do benefício diretamente na conta, não precisando ir na agência sacar o benefício, a não ser quando for utilizar o dinheiro.

Tem benefícios a receber? Confira as datas de pagamento:


Pagamento Bolsa Família 2018

Os pagamentos do benefício são liberados de acordo com o número impresso no cartão do beneficiário. Co o cartão e o número do NIS em mãos, basta consultar o calendário Bolsa Família 2018 e conferir a data em que o pagamento do benefício será liberado.

A separação das datas do pagamento do benefício ocorre para evitar transtorno e superlotação nas agências da Caixa Econômica Federal, que ocorreria se todo mundo fosse fazer o saque do benefício no mesmo dia. Assim os beneficiários podem comparecer nas agências da Caixa e Lotéricas mais tranquilamente, evitando filas excessivas.


Quem tem direito ao Bolsa Família 2018?

Inscrições Quem tem direito Bolsa FamíliaTerão direito a sacar o benefício dentro do prazo de pagamentos do Calendário Bolsa família 2018 todos os beneficiários que tiverem média da renda familiar de até R$ 170,00 por pessoa, e que cumpram todos os requisitos e obrigações que o programa pede de seus beneficiários.

Basicamente, o programa é dividido entre 2 faixas de renda:

  • Famílias que a média de renda seja entre R$ 0,00 e R$ 85,00 – são as chamadas famílias em situação de pobreza extrema;
  • Famílias que a média de renda seja entre R$ 85,01 e R$ 170,00 – são as chamadas famílias em situação de pobreza.

Vale lembrar que, para efeito de cálculo da média da renda familiar, considera-se a renda de todos os membros do grupo familiar, incluindo aqueles que não possuem renda, como crianças e desempregados.

Assim, soma-se a renda de todos os membros, e divide-se pelo número de pessoas que compões o grupo familiar, resultando assim na média da renda familiar.


Requisitos do Bolsa Família

Para receber o benefício, a família precisa se comprometer com uma série de compromissos com o Governo, caso contrário, pode ter seu benefício bloqueado ou até cancelado:

  • Manter em dia a carteirinha de vacinação de crianças de até anos de idade;
  • No caso de gestantes, participar de todo o calendário de consultas do Pré-natal;
  • Ainda no caso de gestantes, participar das atividades sobre conscientização sobre o aleitamento materno, caso disponíveis na sua região;
  • Mulheres com idade entre 14 e 44 precisam fazer o acompanhamento médico regular;
  • Crianças entre 6 e 15 anos de idade precisam estar matriculadas na escola, e com frequência escolar mínimas de 85%;
  • Jovens entre R$ 16 e 17 abis de idade também precisam estar matriculados na escola, com frequência escolar mínima de 75%;
  • É preciso manter em dia o cadastro com o CADÚNICO, informando em caso de mudança de endereço, na composição familiar, ou ainda, nos dados socioeconômicos da família.

Valer lembrar que, caso a família deixe de cumprir qualquer uma das condições listadas acima, poderá ter o benefício cancelado a qualquer momento pelos gestores do benefício social.


Calendário do Bolsa Família 2018 pelo Celular

Se você é beneficiado pelo Programa Bolsa Família 2018, saiba que não precisa ir até uma agência da Caixa ou lotérica para consultar a tabela do Bolsa Família 2018. O Governo Federal, através da Caixa Econômica Federal disponibiliza a consulta do benefício através do celular, pelo aplicativo Caixa Bolsa Família.

O aplicativo é gratuito, e está disponível para as principais plataformas de celulares do mercado. Com ele, que recebe o benefício poderá:

  • Consultar o calendário de pagamentos do Bolsa Família;
  • Ver o saldo disponível do seu benefício para sacar;
  • Ver quando serão pagas as próximas parcelas do seu bolsa família;
  • Encontrar os postos de saque mais próximos da sua casa.

Para instalar o aplicativo no seu celular, baixe diretamente da loja de aplicativos da sua plataforma de telefone, através de um dos links abaixo?

Como se cadastrar no Bolsa Família

O cadastramento no Programa Bolsa Família é um processo muito simples. Basta que a família:

  1. Reúna os documentos de identificação de todos os membros do grupo familiar, como CPF, carteira de identidade e Certidão de Nascimento;
  2. Reúna os documentos de renda de todos os membros economicamente ativos, como a carteira de trabalho e declaração do IRPF (se for o caso);
  3. Leve os documentos ao órgão responsável pelo cadastramento no Bolsa Família no seu município. Pode ser o CRAS, Secretaria de Assistência Social ou CADÚNICO, dependendo da sua cidade.

Depois de realizar o cadastro, seus documentos serão analisados pelo Governo, para conferir se não há pendências. Uma vez por mês, o MDS libera a lista dos novos beneficiados, e você saberá se foi contemplado pelo benefício ou não.

Cartão Bolsa Família

O cartão é enviado automaticamente para o grupo familiar assim que o seu benefício tiver sido aprovado pelo Ministério do Desenvolvimento Social. Depois de receber, o beneficiário com nome impresso no cartão precisa comparecer a uma agência da Caixa Econômica Federal e solicitar o desbloqueio do cartão do benefício. Recomenda-se que nessa ocasião, porte os documentos fundamentais de identificação (CPF e RG).

Se, mesmo após 1 mês da inscrição, você ainda não tiver recebido o seu cartão do benefício, entre em contato com o número 0800 726 0101 e solicite informação sobre o andamento do seu benefício. É importante estar nesse momento com os seus documentos de identificação em mãos.

Este Artigo Foi Útil? Então Avalie: ⤵

1 Estrela2 Estelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (1 votes, average: 5,00 out of 5)
Loading...