O PIS 2018, conhecido também como décimo quarto salário, ou abono salarial 2018. Esse benefício é pago todos os anos pelo Ministério do Trabalho em parceria com a Caixa Econômica Federal. Ele serve para abonar o trabalhador, e ajudar ele a conseguir fechar todas as contas no final de ano. O abono é pago aos trabalhadores que possuam inscrição no Programa de Integração Social – PIS –  há pelo menos 5 anos, e é pago somente aos trabalhadores que recebam até 2 salários mínimos. Mas nem todo mundo possui direito a esse benefício, por isso confira a seguir quem pode e quem não pode receber o PIS 2018.

PIS 2018

PIS 2018 – Confira como funciona o Abono salarial Caixa, Valor e calendário do PIS

Quem pode receber o PIS 2018

O abono Salarial CAIXA será pago em 2018 somente aso trabalhadores que atenderem os critérios estabelecidos pelo Ministério do Trabalho e Emprego para o benefício. Fique atento, afinal não são todas as classes trabalhadoras que têm direito a esse benefício. Para receber o PIS 2018, o cidadão precisa:

  • Ter inscrição no PIS há mais de 5 anos. A inscrição no Programa é feita, na maioria dos casos, no momento em que se faz a carteira de trabalho;
  • Precisa ter trabalhado, no ano anterior, por pelo menos 30 dias com carteira assinada, para uma empresa privada;
  • A média de todos os seus salários, no ano anterior, não pode exceder 2 salários mínimos mensais;
  • A empresa para qual prestou serviço precisa ter, necessariamente, entregue a relação de trabalhadores (RAIS) ao Ministério do Trabalho e Emprego informando seu nome no quadro de funcionários.

Quem tem direito ao PIS 2018:

quem tem direito ao PASEP 2019Considerando as condições acima, os trabalhadores que terão direito de receber o PIS 2018 serão, basicamente:

  • Trabalhadores e empregados da Indústria;
  • Trabalhadores do comércio e setor de serviços;
  • Trabalhadores rurais que tenham sido empregados em uma empresa agrícola;
  • Motoristas, estivadores, prestadores de serviço em geral que tenham trabalhado com carteira assinada para uma empresa.

Quem não tem direito ao PIS

Considerando ainda as regras estabelecidas acima, ficam impedidos de receber a bonificação do Abono Salarial PIS 2018 os seguintes trabalhadores:

  • Servidores Públicos – Esses têm direito ao PASEP 2018, outra modalidade de abono Salarial;
  • Trabalhadores autônomos;
  • Agricultores autônomos, ou vinculados a uma cooperativa sem caracterizar vínculo empregatício;
  • Qualquer trabalhador, de qualquer ramo, que receba mais de 2 salários mínimos mensais;
  • Empregadas domésticas – Mesmo as que possuírem carteira assinada, não podem receber o benefício, pois no caso das domésticas, prestam serviço a pessoa física, e não a uma empresa, portanto, não há informe ao Ministério do Trabalho e Emprego (RAIS) informando o empregado.

Qual o valor do Abono Salarial?

O valor do abono salarial vai variar de acordo com o tempo de serviço no ano anterior. Ou seja, se o trabalhador teve a carteira assinada durante todo o período, terá direito a 1 salário mínimo. Mas, se o período for inferior, o valor vai variar de acordo com a tabela a seguir:

Valor do Abono Salarial 2018
Meses trabalhados (dias) Valor Abono
1 (30 a 44) R$ 80,00
2 (45 a 74) R$ 159,00
3 (75 a 104) R$ 239,00
4 (105 a 134) R$ 318,00
5 (135 a 164) R$ 398,00
6 (165 a 194) R$ 477,00
7 (195 a 224) R$ 557,00
8 (225 a 254) R$ 636,00
9 (255 a 284) R$ 716,00
10 (285 a 314) R$ 795,00
11 (315 a 344) R$ 875,00
12 (345 a 365) R$ 954,00

1 mês de carteira assinada – entre 30 e 44 dias R$ 80,00
2 meses de carteira assinada – entre 45 e 74 dias R$ 159,00
3 meses de carteira assinada – entre 75 e 104 dias R$ 239,00
4 meses de carteira assinada – entre 105 e 134 dias R$ 318,00
5 meses de carteira assinada – entre 135 e 164 dias R$ 398,00
6 meses de carteira assinada – entre 165 e 194 dias R$ 477,00
7 meses de carteira assinada – entre 195 e 224 dias R$ 557,00
8 meses de carteira assinada – entre 225 e 254 dias R$ 636,00
9 meses de carteira assinada – entre 255 e 284 dias R$ 716,00
10 meses de carteira assinada – entre 285 e 314 dias R$ 795,00
11 meses de carteira assinada – entre 315 e 344 dias R$ 875,00
12 meses de carteira assinada – entre 345 e 365 dias R$ 954,00

Atenção: Fique de olho no lançamento do calendário com as datas do Bolsa Família 2018. O benefício é pago às famílias cadastradas que possuem renda familiar de até R$ 170,00 por pessoa.

Quando o PIS 2018 será liberado?

As datas de pagamento do abono salarial 2018 serão estabelecidas através do Calendário PIS 2018. Esse calendário é divulgado normalmente em Maio de cada ano, pela Caixa Econômica Federal, e contém todas as datas de pagamento que serão feitas durante o ano.

O calendário com as datas de pagamento para o segundo semestre de 2017 já foi divulgado. Assim, da mesma forma que o Calendário do PIS do ano anterior, nesse ano os pagamentos ocorrerão a partir de Julho e vão se estender até o mês de março do ano seguinte:

Tabela do PIS 2018/2019
​​Nascido em ​Recebem a partir de Podem sacar até:
​Julho ​26/07/2018 28/06/2019
​Agosto ​16/08/2018 28/06/2019
​Setembro ​13/09/2018 28/06/2019
​Outubro ​18/10/2018 28/06/2019
​Novembro ​20/11/2018 28/06/2019
​Dezembro ​13/12/2018 28/06/2019
​Janeiro ​​17/0​1/2019 28/06/2019
​Fevereiro ​​17/0​1/2019 28/06/2019
​Março ​​21/02/2019 28/06/2019
​Abril ​​21/02/2019 28/06/2019
​Maio ​​14/03/2019​​ 28/06/2019
Junho ​​14/03/2019​​ 28/06/2019

ATENÇÃO: A Caixa Econômica reforça que após o encerramento do prazo de saque do abono salarial 2018, não será permitido saque.

Como sacar o Abono Salarial

O PIS 2018 poderá ser sacado em qualquer agência da Caixa Econômica Federal, tendo em mãos o seu cartão do cidadão. O saque pode ser efetuado diretamente no caixa eletrônico.

Caso você more longe de uma agência da Caixa Econômica, poderá efetuar também o saque em qualquer lotérica ou posto de atendimento do Caixa Aqui.

Cotas do PIS 2018

As cotas do PIS são o benefício de quem trabalhou entre Julho de 1970 e Outubro de 1988. Quem trabalhou ficou cm o PIS aplicado em uma espécie de fundo de investimento da Caixa, chamado “Cotas do PIS”.

Cotas do PIS

Cotas do PIS

Mas o trabalhador só podia sacar os rendimentos desse fundo. Entretanto, em 2017, o Presidente Michel Temer assinou um decreto que libera o saque das cotas do PIS dentro do prazo de saques do calendário PIS.

O trabalhador pode sacar o valor integral de seu benefício. E, no caso das cotas, caso não saque em um ano, poderá sacar o saldo do benefício no ano seguinte.

Este Artigo Foi Útil? Então Avalie: ⤵

1 Estrela2 Estelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (52 votes, average: 4,62 out of 5)
Loading...